Fernanda Pessoa pede alerta para a campanha Setembro Amarelo

Setembro Amarelo foi tema do pronunciamento da deputada estadual Fernanda Pessoa (PR) nesta quarta-feira (13\09), na AssembleiaLegislativa do Ceará. A parlamentar pediu atenção da sociedade sobre o suicídio e ressaltou a importância de diálogos Precisamos falar sobre este assunto devido ao grande número de casos e isso deve ser tratado como problema de saúde pública. Falar é a melhor solução, e é o que alerta a campanha Setembro Amarelo, que neste mês, abordará este assunto tão sensível em campanhas de conscientização, com o objetivo direto de alertar a população para a realidade do suicídio em todo o Brasil e em todo o mundo”.

Fernanda Pessoa alertou para o número de jovens que tem cometido suicídio .” No mundo, 1,3 milhão de jovens morrem por conta de causas evitáveis ou tratáveis, sendo a primeira causa os acidentes de trânsito 11,6% e a segunda, o suicídio 7,3%. No Brasil, por exemplo, o suicídio entre pessoas de 15 a 29 anos aumentou 20% nos últimos 20 anos” avaliou. Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS) .

A parlamentar é autora de projetos pela prevenção ao suicídio como a criação, pela Secretaria de Saúde, do Programa Ceará sem Suicídio, do projeto que estabelece a obrigação de instalação de equipamentos de proteção contra a queda de pessoas, veículos ou objetos, junto a canal de drenagem, viadutos, pontes e outros elementos naturais construídos no Ceará e o projeto de lei que sugere que os prédios públicos pertencentes ao Estado sejam iluminados pela cor amarela.

>> De acordo com a pesquisa do 10º Anuário da Segurança Pública, realizada em 2015, o Ceará é o quinto do País no ranking de suicídios.