A programação inclui a realização de consultas oftalmológicas gratuitas, no próximo dia 15 de junho, para crianças e idosos do Instituto João de Deus.

Fortaleza recebe, no próximo dia 15 de junho, mais uma edição do Mácula. O simpósio chega ao 15º ano compartilhando, gratuitamente, com a população informações sobre os avanços no diagnóstico e tratamento das maculopatias. Além disso, mantém seu compromisso com ações de responsabilidade social, ao realizar, como parte da programação, consultas oftalmológicas gratuitas com crianças e idosos do Instituto João de Deus.

A programação desta edição começa às 7h30 com a realização de 40 consultas destinadas a pessoas atendidas pelo Instituto (vinte delas, crianças a partir dos seis anos de idade; e a outra metade, idosos a partir dos 59 anos). Elas receberão atendimento do médico oftalmologista e coordenador do Mácula, Abelardo Targino, e de outros profissionais voluntários. Os pacientes que necessitarem de óculos, além das consultas, ganharão lentes e armações, respectivamente, da Essilor e das Óticas Diniz, apoiadores da iniciativa. O atendimento será no Centro Avançado de Retina e Catarata (à Avenida Dom Luís, 1233, 14º andar, Aldeota).

Já à tarde, a partir das 18h, o simpósio reúne a população em geral, no Hotel Gran Marquise (Avenida Beira Mar, 3980), para que conversem com o médico oftalmologista Jorge Rocha. Vindo da Bahia, ele fará a condução do evento na companhia de Abelardo Targino. Eles irão compartilhar informações sobre os avanços no diagnóstico e tratamento das doenças da mácula, entre elas, a Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI), principal causa de cegueira legal em indivíduos acima dos 50 anos, no mundo. Depois de conversar com a população, os palestrantes se reúnem com os médicos oftalmologistas do Ceará, para um momento exclusivo com os profissionais da área.

Para participar das palestras, basta entrar em contato com a organização do evento pelos telefones: (85) 98891.7171 e 99616.2806 e levar, no dia do simpósio, alimentos não perecíveis destinados ao Instituto João de Deus, organização não governamental que presta atendimento a crianças de 01 a 03 anos (em creche); a crianças e adolescentes, de 06 a 17 anos, e a idosos, a partir dos 59 anos, em ações para que restabeleçam vínculos com as famílias e efetivem seus respectivos direitos.

A mácula

A mácula é um ponto ovalado de cor amarela junto ao centro da retina do olho humano. As maculopatias (doenças da mácula) causam a perda da visão central. Suas principais causas são: Retinopatia Diabética, Tromboses Venosas, Membranas Anormais e, nos idosos, a DMRI. Mesmo que raramente causem cegueira total, as doenças da mácula podem impedir o desempenho de atividades que exijam a visão central, como ler ou dirigir. O simpósio populariza o debate sobre as maculopatias que, diferentemente de outras doenças como catarata e glaucoma, ainda não contam com tratamento adequado no Sistema Único de Saúde (SUS).

Serviço: Mácula 2018 – Avanços no Diagnóstico e Tratamento. Dia 15 de junho, às 7h30 (com consultas oftalmológicas para crianças e idosos do Instituto João de Deus) no Centro Avançado de Retina e Catarata; e às 18h, com palestra gratuita para a população em geral e médicos oftalmologistas, no Hotel Gran Marquise.