Ação integra o Parte de Nós Ambiente, projeto que incentiva o voluntariado. Idealizadas pela EDP, atividades reúnem alunos de escolas públicas da região, Prefeitura, comunidade local e outras empresas

O Dia do Meio Ambiente é comemorado em 5 junho no mundo inteiro. Em alusão à data, o Instituto EDP, entidade que gere as ações socioambientais da companhia do setor elétrico, em conjunto com alunos de escolas públicas da região, prefeitura municipal, Secretaria Estadual do Meio Ambiente e comunidade farão a limpeza de praias de São Gonçalo do Amarante nos próximos dias 09 e 16 de junho.

No primeiro sábado (09), 200 pessoas devem participar da ação, que tem início às 7h30, na praia de Taíba. O programa tem o objetivo de recolher micro resíduos das areias (canudinhos, tampas de garrafas, sacos e pedaços de redes de pesca), que contaminam o ambiente e podem causar sofrimento aos animais que habitam o sistema marinho. Já no dia 16 a atividade acontece na praia do Pecém, seguindo a mesma dinâmica.

No Ceará, a EDP é responsável pela UTE Pecém I, sediada no município de São Gonçalo do Amarante. Em operação desde 2012, a Usina gera 370 empregos diretos e 1.053 empregos indiretos. A atividade da termelétrica foi responsável pela transformação do Ceará de estado importador em exportador da energia elétrica.

Sobre a EDP Brasil

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Soluções em Energia e possui 15 unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica. Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, adquiriu participação na CELESC, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 12 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3. Possui valor de mercado de cerca R$ 9 bilhões, três vezes mais do que em 2005, quando abriu seu capital em bolsa.