Fique por dentro! Utilidade Pública

População de Caucaia pede paz em passeio ciclístico

No último sábado, 18, a população de Caucaia se reuniu para um passeio ciclístico que percorreu as ruas do município. O Pedalando pela Paz foi uma realização do Instituo Aço Cearense, em parecia com o Lar de Clara, para trazer a reflexão sobre uma cultura de paz na sociedade.

A ação teve início às 8h, na Instituição Lar Beneficente Clara de Assis, com alongamento realizado por educadores físicos, seguido do passeio ciclístico, lanche, sorteio de uma bicicleta e cerimonia de encerramento. Foi um momento para a população pedir paz junto ao poder público e à sociedade através do esporte, que é uma das ações que colabora para transformar muitas vidas e fortalecer a vivência de não violência e socialização.

Segundo a secretária escolar, Rosa Fernandes, 50, que esteve presente no Pedalando pela Paz, a temática é importante para toda a comunidade. “Moro em Caucaia e vim com a minha equipe de corrida participar do passeio porque estamos precisando de paz nessas localidades. Nossa turma sempre incentiva temáticas como essa, da paz e de saúde.”, relatou. Rosa estava acompanhada de um grupo de amigos que costuma participar de corridas de rua.

Também esteve presente no Pedalando pela Paz, o campeão Brasileiro de Paraciclismo 2017, Gilberto Silva. “Considerando que sou atleta, acho importante incentivar ações como essas que envolvem o esporte com um tema tão importante como a paz. Fico muito feliz em poder contribuir de alguma forma”, afirmou o paraciclista.


Sobre o Instituto Aço Cearense

O Grupo Aço Cearense sempre se preocupou em ter uma atuação socioambiental correta e responsável, por isso há oito anos criou o Instituto Aço Cearense (IAC), que apoia ações educacionais, culturais e esportivas. Hoje, o Instituto ampara 10 instituições no Ceará e três no Pará. Durante esses oito anos de atuação, 136 instituições foram atendidas, totalizando mais de 71 mil pessoas beneficiadas. O Instituto Aço Cearense tem como objetivo principal apoiar iniciativas de instituições sociais com atuação no Terceiro Setor. Para receberem o apoio, essas entidades precisam comprovar capacidade física, técnica e institucional para desenvolver as atividades propostas.