Fique por dentro! Sociedade

EDP celebra o Dia Nacional do Voluntariado com programa que valoriza a prática de ações socioambientais dos colaboradores

Programa Desafio do Bem está na oitava edição, engajando e apoiando colaboradores voluntários

Em 28 de agosto será comemorado o Dia Nacional do Voluntariado, e para celebrar a data, a EDP Brasil, por meio do Instituto EDP, que coordena as ações socioambientais do Grupo, reforça a atuação voluntária de seus colaboradores.

Recentemente, uma pesquisa realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) divulgou que o número de voluntários no Brasil cresceu cerca de 13% referente a 2017. Na EDP, no mesmo período o número de voluntários na EDP saltou de 276 para 499 colaboradores, um aumento de 80%.

No Ceará, onde a EDP administra a UTE Pecém, são 103 voluntários engajados em atividades socioambientais. Dentre as instituições já beneficiadas pelo grupo estão a Casa de Maria (Caucaia), Casa de Patrícia (São Gonçalo do Amarante), Escola municipal Poetisa Abigail Sampaio (São Gonçalo do Amarante), Escola Municipal Leorne Belém (São Gonçalo do Amarante), Casa São Vicente (Fortaleza), Casa do Menino Jesus (Fortaleza) e Lar Torres de Melo (Fortaleza).

O trabalho realizado em prol de cada instituição varia de acordo com as necessidades encontradas, envolvendo atividades como auxílio na construção de novas estruturas, pintura, revisão de parte elétrica, mão de obra para realização de melhorias e doação de livros, materiais de higiene ou alimentos.

Para apoiar e engajar o voluntáriado, a EDP disponibiliza 4 horas laborais mensalmente, para serem utilizadas especificamente em atividades com a comunidade, seja por meio de projetos idealizados pela empresa ou iniciativas à escolha do colaborar.

Além da disponibilidade de tempo, o Instituto EDP coordena o programa de incentivo à prática voluntária chamado Desafio do Bem, que está em sua oitava edição e atua por meio de formação de equipes – que podem integrar, além do colaborador, familiares, amigos ou profissionais de outras empresas. Cada time escolhe uma organização social da região para ser beneficiada com o desenvolvimento de projeto de melhoria.

Essas ações podem ser de caráter físico (pintura de quadra, paredes, consertos), capacitação (oficinas, aulas, consultorias), gestão (planejamentos, projetos de captação de recursos) e eventos (celebrações, festas de arrecadação de doações), entre outros, que acontecem ao longo do ano. Ao final do projeto, cada equipe apresenta as melhorias realizadas e as três mais votadas pelo júri do Instituto, recebem prêmio em dinheiro para ser revertido à organização. Atualmente estão presentes nos estados de São Paulo, Espírito Santo, Ceará, Tocantins e Rio Grande do Sul.

Luis Carlos Gouveia, diretor do Instituto EDP, ressalta que “é muito gratificante ver o engajamento cada vez intenso dos colaboradores da Companhia, e como as equipes do Desafio do Bem honram com o propósito do Grupo de Usar nossa energia para cuidar sempre melhor”.

image003

Sobre a EDP e o IEDP

Com mais de 20 anos de atuação, a EDP é uma das maiores empresas privadas do setor elétrico a operar em toda a cadeia de valor. A Companhia, que tem mais de 10 mil colaboradores diretos e terceirizados, atua em Transmissão, Comercialização e Soluções em Energia, e possui 15 unidades de geração hidrelétrica e uma termelétrica. Em Distribuição, atende cerca de 3,4 milhões de clientes em São Paulo e no Espírito Santo. Recentemente, adquiriu participação na CELESC, em Santa Catarina. No Brasil, é referência em áreas como Inovação, Governança e Sustentabilidade, estando há 12 anos consecutivos no Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3.

O Instituto EDP tem como responsabilidade estruturar os investimentos e as iniciativas sociais da EDP em frentes ligadas à valorização da Língua Portuguesa, à educação, ao desenvolvimento local com geração de renda, ao empreendedorismo e ao voluntariado, por meio do esporte, cultura e saúde. Em 2017, foram apoiados 35 projetos, beneficiando 60 mil pessoas.