Empregos Fique por dentro! Mercado Ceará Mercado Nacional

EDP lança 4ª edição do EDP Trainee Program

As inscrições do EDP Trainee Program estão abertas. Os selecionados terão a oportunidade de, durante 14 meses, passar por diferentes áreas de negócio do Grupo e fazer a diferença em um setor em transformação.

Sustentado pelo tema “the world is filled with impossible ideas”,  estão abertas as inscrições para a 4ª edição do EDP Trainee Program, a serem realizadas diretamente no site traineeprogram.edp.com até dia 5 de outubro. O candidato pode selecionar entre dois perfis: tech, para os interessados em tecnologia da informação e análise de dados; e business, mais direcionado para as áreas de gestão e engenharia.

Apesar de cada um destes perfis apresentar requisitos específicos de inscrição, tanto no processo de recrutamento e seleção, quanto no Programa em si, terão experiências similares. A abrangência global do Programa, a fluência no inglês e a disponibilidade para mobilidade nacional e internacional por parte dos candidatos são fatores indispensáveis.

O processo de recrutamento terá um forte componente digital e um alcance internacional, com o objetivo de selecionar jovens de todo o mundo para os países em que o Grupo EDP está presente.

Com duração de 14 meses, os candidatos, e futuros trainees, serão desafiados a fazerem parte, e contribuírem ativamente, com soluções inovadoras para os atuais desafios do setor energético, como a digitalização e descarbonização. Com essa finalidade, a aposta do Programa é acelerar o desenvolvimento profissional desses jovens por meio de rotação entre diferentes unidades de negócio (em alguns casos oportunidades internacionais), formação contínua e aconselhamento de carreira, entre outros.

No final da iniciativa, a EDP pretende capitalizar o investimento feito nos jovens talentos, procurando retê-los na organização. Na última edição, mais de 90% dos participantes foram integrados ao Grupo, resultando no reconhecimento como um dos três melhores programas de recrutamento da Europa pelo prêmio de Recursos Humanos ‘European Excellence Awards’.

No Ceará, a EDP é responsável pela UTE Pecém I, sediada no município de São Gonçalo do Amarante. Em operação desde 2012, a Usina gera 370 empregos diretos e 1.053 empregos indiretos. A atividade da termelétrica foi responsável pela transformação do Ceará de estado importador em exportador da energia elétrica.