Fique por dentro! Mercado Nacional

TRIO lança a dupla CINZA

CINZA, duo de diretores formado por José Menezes e Lucas Justiniano, vai focar em estética e craft para projetos no Brasil e no mercado internacional

TRIO, produtora full service dos sócios Caito Cyrillo e Luciano Mathias, acaba de lançar oficialmente a dupla CINZA, formada pelos diretores José Menezes eLucas Justiniano, cujo trabalho será focado em estética e craft para projetos no Brasil e no mercado internacional.

Na prática, a parceria consolidada hoje existe há oito anos e já rendeu trabalhos bem-sucedidos, como o longa-metragem “Sobre Futebol e Barreiras”, filmado na Palestina e em Israel; o curta “Barqueiro”, ganhador do Prêmio Redentor como melhor curta-metragem no Festival do Rio 2014; e os filmes DOKU-TUR e BOSNA-TUR, que fazem parte do catálogo do canal de vídeo digital Nowness. Além desses e de outros projetos em processo de edição, o trabalho colaborativo mais recente da dupla, o clipe “Recomeçar”, de Tim Bernardes, acaba de concorrer ao Prêmio Multishow e ao Music Video Festival (m-v-f-).

José Menezes é formado em Administração pela FGV e Cinema pela FAAP. Já trabalhou em diversos longas e curtas-metragens selecionados em importantes festivais, como Cannes, Toronto e Locarno. Já Lucas Justiniano tem formação em História pela PUC-SP e trabalha no mercado audiovisual desde 2004, tendo atuado em diversas áreas como edição, roteiro e direção. Recentemente passou pela O2 Filmes, trabalhando em montagem e pós-produção para publicidade, branded content e projetos especiais digitais.

Em codireção ou parcerias diretas, CINZA já criou para grandes marcas como Adidas, Google, entre outras, além de conteúdo online próprio com estreias exclusivas em sites como Vimeo Staff Picks, Nowness e The Fader. A estética do duo possui forte influência do cinema documental, área da qual são oriundos, aliada à um olhar cinematográfico contemplativo, sempre presente na direção de fotografia de muitos de seus projetos.

“Nossa ideia de lançar a dupla vem ao encontro do que já temos feito nos últimos anos, que é buscar artistas que tenham a estética no sangue. Queremos talentos que estejam sempre procurando ir além dos roteiros e deixar sua marca, fazendo com que cada projeto seja único, exatamente o que faz a CINZA. Suas referências e capacidade de criação e adaptação são incríveis”, diz o CCO, Luciano Mathias.