Cultura Fique por dentro!

5º Festival Internacional de Circo do Ceará traz mais de 80 apresentações em Fortaleza e mais quatro cidades

O festival promove uma vasta programação totalmente gratuita com apresentações artísticas e atividades formativas entre os dias 7 e 21 de novembro

Mais de 50 artistas/companhias do Brasil e de outros países vão apresentar espetáculos das mais diversas artes circenses para públicos de todas as idades no 5º Festival Internacional de Circo do Ceará, que acontecerá em novembro. O evento contará com uma intensa programação artística e atividades formativas em Fortaleza (de 7 a 11), Sobral (15 e 16), Canoa Quebrada (17), São Gonçalo do Amarante (17 e 18) e Paracuru (20 e 21). Toda a programação é gratuita.

escola_de_ideias

Criado em 2014, o Festival Internacional de Circo do Ceará tem a proposta de capacitar, difundir e integrar as diversas possibilidades do universo circense no estado. Com cinco anos de trajetória já é referência na produção, fruição, articulação e intercâmbio cultural da arte circense na região Nordeste.

Nesta edição o festival terá mais de 85 apresentações de circo tradicional, circo contemporâneo e arte de rua. Em cena, 17 companhias/artistas cearenses, 11 de outros estados do Brasil (05 de SP, 04 do RJ, 01 do RN e 01 do DF) e 12 internacionais (06 da Argentina e um da Itália, Portugal, Uruguai, Venezuela, Chile e dos Estados Unidos). A grande maioria das atrações foi selecionada, dentre 350 propostas inscritas. Outros artistas foram convidados, como o Palhaço Pimenta, Mestre da Cultura do Ceará.

O Teatro São José será palco da abertura em Fortaleza, no dia 8 às 20h. A atração é o palhaço Avner Eisenberg, dos Estados Unidos. O americano apresenta o espetáculo “Exceções à gravidade”, onde dissolve os limites entre perder e ganhar. Eisenberg é considerado um dos maiores palhaços de todos os tempos, tendo desenvolvido habilidades de teatro mudo como uma ferramenta terapêutica. Além de performer, ministra cursos e workshops pelo mundo.

As outras atrações internacionais são Piky Potus (Uruguai), Mica Paprika (Portugal), Autoportante (Itália), Infinitu Balance (Venezuela), Alejandro Alarcòn Villarroel (Chile), Circo Mano a Mano (Argentina/Peru), Variedades Escenicas, Duo um Pie, Payasa Maku Fanchulini, Payaso Chacovachi, Maria Gabriela Rojas (Argentina).

Os artistas brasileiros que compõem a programação são a Tropa Trupe (Rio Grande do Norte), Vanessa Calado, Ciro Ítalo, Ricardo Gadelha e Duo Nigretai (Rio de Janeiro), Dan Marques (Distrito Federal) e, de São Paulo, Circo do Asfalto, Duo Simetria, POIN – Pequena Orquestra Interativa, Bárbara Francesquine e mais, De Lucca Circus e Os Profiçççionais.

No time de cearenses estão a Companhia Itinerante de Malabares e Trupe Tamarindo (Sobral), Trupe Motim de Teatro (Quixeré), Grupo Dezequilibradoz (Maracanaú) Bruno Farias (Sobral) e, de Fortaleza, Cia. Plural de Artes Cênicas, Grupo Ânima, K’Os Coletivo, Mágico Goldini, As 10 Graças de Palhaçaria, Companhia Laguz Circo, Coletivo Quintal, Palhaço Pimenta, Cláudio Ivo, Clown Futriko Show, Palhaço Colorau, Eduardo Show da Vida, duo formado por Gabriela Jardim (Coletivo Quintal) e Tatiana Valente (Cia Ponto), além das Bandas Municipais de São Gonçalo do Amarante, Sobral e de Paracuru.

Em Fortaleza a programação acontece no Teatro São José (equipamento da Prefeitura de Fortaleza recém restaurado), Cineteatro São Luiz (equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará) e Praça do Ferreira, em Sobral no Anfiteatro do Largo das Dores, em Canoa Quebrada no Anfiteatro Dragão do Mar, em São Gonçalo do Amarante na Praça da Matriz e em Paracuru na Praça da Igreja Matriz, Praça do Farol, Anfiteatro do Farol e Distrito São Pedro. Nos locais fechados, a retirada dos ingressos é liberada com uma hora de antecedência.


Luz no Picadeiro: programação formativa

Fora dos palcos, o Festival tem uma rica programação formativa, chamada de Luz no Picadeiro. O objetivo disseminar conhecimentos na área circense através de atividades de iniciação, muitas vezes recreativas, formação profissional com conteúdo mais direcionados e técnicos, além de informação através de palestras, seminários e encontros.

O projeto Luz no Picadeiro contará com oficinas (09), seminário, mostra, lançamento de livro e uma conversa envolvendo cerca de 30 profissionais, entre oficineiros, palestrantes e dirigentes de espaços. A programação completa das ações formativas pode ser consultada no site do festival: www.festivaldecircoceara.com.

Apresentado pelo Ministério da Cultura e Atacadão, o 5º Festival Internacional de Circo do Ceará é uma realização da Iluminura Produtora Cultural, que divide a produção com a Indústria da Arte. Tem como parceiros as Prefeituras de Fortaleza, Sobral, Paracuru, São Gonçalo do Amarante, Vila das Artes e ECOA. Apoio: Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, através da Lei Nº 13.811, de 16 de agosto de 2006, e Enel.

SERVIÇO

5º Festival Internacional de Circo do Ceará – Em Fortaleza (8 a 11/nov), Sobral (15 e 16/nov), Canoa Quebrada (17), São Gonçalo do Amarante (17 e 18/nov) e Paracuru (20 e 21/nov). Site: www.festivaldecircoceara.com. Facebook: festivaldecircodoceara. Informações: (85)3459-0096 e festivaldecircoceara@gmail.com.Toda a programação é gratuita.


Foto ilustrativa do banco de imagens enviado pelas assessorias de imprensa para o CPM.